A Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (EMERJ) promoveu no dia 11 de março o webinar “Mulheres com poder de transformação”com a participação das juízas Adriana Ramos de Mello, presidente do Núcleo de Pesquisa em Gênero, Raça e Etnia (NUPEGRE) e do Fórum Permanente de Violência Doméstica, Familiar e de Gênero e Maria Aglaé Tedesco Vilardo, presidente do Fórum Permanente de Biodireito, Bioética e Gerontologia; das médicas Ligia Bahia e Margareth Dalcolmo, da coordenadora do projeto Dançando para Não Dançar, Thereza Aguilar, e da ativista social Cris dos Prazeres que atua em diversos projetos sociais, dentre eles o “ReciclAção”, localizado no Morro dos Prazeres.

Esse evento trouxe as vozes e as experiências de mulheres na afirmação de seu protagonismo social e um chamado para a união de esforços por um país melhor. Leila Linhares Barsted e Mariana Barsted, da CEPIA, estiveram presentes neste evento.